At The Gates devasta São Paulo em última apresentação da turnê

A noite do último domingo (13/09) foi reservada aos amantes do death metal, com o show do grupo sueco At The Gateso público paulista pode presencia a apresentação de mais uma lenda do metal pesado mundial. Após uma longa turnê latino americana que passou por países da América Central e Sul, o último compromisso da banda antes de voltar para as terras nórdicas era encarar os famintos fãs de São Paulo que ansiavam pelo mais puro death metal.

Como não havia nenhuma banda de abertura, as 20:00 o show teve início com a clássica “Death and the Labyrinth” já para aquecer os motores e mostrar o que viria na próxima uma hora e meia de show. Embora a casa não estive completamente cheia, os que estiveram presentes representaram o verdadeiro sentimento de todos os fãs, bangeando e fazendo os tão aclamados “bate cabeças” durante o show inteiro. A animação por parte da banda era recíproca, não poupando energia e suor, tudo para satisfazer os fãs.

A banda estava em perfeita harmonia, desde o vocalista Tomas Lindberg com seus vocais rasgados, sua empolgação a cada música e sua típica interação com o público durante todo o show, até os irmãos Björler, Anders e Jonas, fundadores da banda, que mandavam ver nos solos e nas levadas de baixo. Mas talvez o grande destaque deva ser feito para o baterista Adrian Erlandsson que literalmente quebrou tudo com suas baquetas, regendo com maestria a batida furiosa do grupo, para os que puderam observa-lo com mais atenção, notaram o tamanho do esforço que Adrian fazia a cada música!

No que se refere ao set list, duvido que o maior dos fãs pudesse fazer uma compilação de músicas melhor do que foi escolhido para o show, variando com músicas de toda a carreira, o grupo foi desde o primeiro disco The Red in the Sky is Ours até o último e recém lançado At War with Reality, sendo assim, foi difícil ver alguém descontente ou não satisfeito. Mas valem os principais destaque para: “The Swarm“, a dobradinha da instrumental “City of Mirrors” com a “Suicide Gun“, a violentíssima “The Burning Darkness“, além da super clássica cantada aos berros por toda a casa “Blinded By Fear“!

“Do you love death metal? At The Gates don’t like death metal… we LOVE DEATH METAL!”

 

Setlist:

1 – El Altar… (intro)
2 – Death and Labyrinth
3 – Slaughter
4 – Cold
5 – At War With Reality
6 – The Swarm
7 – Raped
8 – Circular
9 – Under a Serpent Sun
10 – Windows
11 – City of Mirrors – Suicide Gun
12 – Suicida Nation
13 – Heroes and Tombs
14 – Nausea
15 – Eater/Pillars
16 – World od Lies
17 – The Burning Darkness
18 – The Book of Sand
19 – Blinded by Fear
20 – Kingdom Gone
21 – The Night Eternal

 

Para mais fotos clique aqui ou aqui!

Showzão!

 

Deixar comentário(s)

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *