Bratislava lança álbum “Fogo”

Bratislava foto

A Bratislava, na estrada desde 2010, lançou seu terceiro álbum intitulado “Fogo”. O experimentalismo que marca a carreira da banda atinge agora um parâmetro mais elevado de complexidade com a exploração de novas camadas sonoras.

Composta por Victor Meira (vocais/ teclas/ synths), Alexandre Meira (guitarra/vocal), Lucas Felipe Franco (bateria) e Sandro Gavidia (baixo), a Bratislava é essencialmente uma banda de rock, baseada no alternativo e experimental. Estreou com o EP “Longe do Sono”, em 2011; em 2012 lançou o primeiro álbum, “Carne”. “Um Pouco Mais de Silêncio”, segundo álbum, foi lançado em 2015 e repetiu a fórmula de sucesso do anterior ao levar o grupo a se apresentar Lollapalooza 2017.

Em “Fogo”, a guitarra é um dos mais fortes elementos. Entre tons agressivos e delicadas faixas, a banda continua dando vazão a letras de capricho intimista, escritas entre julho e dezembro de 2016.

“O mundo do sonho é o que me inspira a escrever, me considero introspectivo. E me inspiro nisso pra compor. Acho que todo músico compõe como forma de terapia. Em ‘Fogo’, a temática amarra muito o álbum. Quatro músicas falam de sonho, duas delas falam de relacionamentos tempestuosos, uma tem pegada política e histórica e outra trata sobre o ‘lugar de fala'” conta o vocalista, compositor e poeta Victor Meira.

O apuro estético dos integrantes leva a Brastislava a introduzir o novo disco com “Enterro”: uma dramática narrativa do maior desastre ambiental da história do Brasil, em 2015, na cidade mineira de Mariana.

“Sonhando”, “Amor de Chumbo”, “Trancado” e “Céu de Pedra” contam casos de sofrimento, conflitos existenciais, devaneios e amor platônico. “Dança de Doido” flerta com o soul, ‘uma parada que o Bratislava nunca fez, um convite para a galera desencanar e dançar com a gente dentro do show’, explica Victor. “Fala Prescindível”, um delírio inspirado em Julio Cortázar. A homônima ‘Fogo’, um autoquestionamento raivoso.

“A Bratislava não segue uma linha estética. Antigamente, achávamos que isso era um problema. Mas chegamos à conclusão de que é uma característica bem natural. Gostamos de explorar lugares diferentes.”, finaliza Victor.

“Fogo” está disponível na plataforma bandcamp .

Confira o Tracklist:

1. Enterro (part. Gustavo Bertoni)
2. Sonhando
3. Amar de Chumbo
4. Trancado
5. Céu de Pedra
6. Dança de Doido (part. Aloizio)
7. Fala Prescindível
8. Fogo

Deixar comentário(s)

comentários