Notícias 

Detalhes do processo do Stone Temple Pilots contra Scott Weiland

 

O Hollywood Reporter teve acesso a detalhes do processo que o Stone Temple Pilots move contra o vocalista Scott Weiland. O acordo feito pelos músicos em 1992 dá conta de que a banda não pode utilizar o nome sem a presença dos quatro integrantes originais. Nem mesmo poderiam promover eventos se denominando ex-membros do grupo.

 

Porém, o contrato deixa claro que qualquer um dos integrantes pode ser demitido por atos de negligência, como os que a banda alega em relação a Scott. Também há uma acusação de atos fraudulentos contra o cantor, que teria utilizado o nome do grupo para promover sua carreira solo. O grupo quer compensação financeira e liberdade para seguir sua carreira sem Weiland.

 

 

Fonte: vandohalen.com.br

Written by 

Matérias Relacionadas