Notícias 

Shannon Hoon, ex-vocalista do Blind Melon, receberá documentário em 2020

Um documentário sobre os anos finais do vocalista do Bind Melon , Shannon Hoon , será lançado em 2020. Segundo a revista Variety, a Double E Pictures e a Live Nation Productions foram recentemente adicionadas como produtoras executivas do filme, criado com mais de 200 horas sobre o falecido cantor. os vídeos caseiros do compositor Danny Clinch , amigo íntimo de Hoon que co-dirigiu o documentário ao lado de Taryn Gould e Colleen Hennessy .

Percebemos que basicamente tínhamos todos esses vídeos de um cara que se filmava obsessivamente por cinco anos, antes de ser famoso até o dia de sua morte“, disse Clinch à Variety . “Foi o início da tecnologia em que as pessoas começaram a filmar uma à outra, e ele estava muito à frente da curva. É um dos primeiros momentos de alguém que estava arquivando sua própria vida“.

Apesar de ter gravado um dos singles e vídeos mais duradouros da década, “No Rain” , e um sucesso em platina quádrupla com o álbum de estréia auto-intitulado de 1992 do Blind Melon (além de fazer turnê ao lado dos maiores nomes do rock), Hoon não conseguiu superar um toxicodependência perigosa. Com apenas dois registros em uma carreira promissora, Hoon morreu de overdose aos 28 anos.

Ele era realmente um personagem cativante“, disse Clinch à Rolling Stone em 2015. “Ele poderia se tornar seu melhor amigo imediatamente. Sua energia era ótima. Ele era realmente criativo e super amigável. Ele definitivamente gostava de se divertir e apreciamos o estilo de vida do rock and roll, com certeza

O Blind Melon ficou inativo por mais de uma década após a morte de Hoon , antes de se reformar em 2006 com o novo vocalista Travis Warren , da banda Rain Fur Rent.

Written by 

Matérias Relacionadas