Imperator Novo Rock apresenta Plastic Fire e Diabo Verde

Uma iniciativa do Rio Novo Rock e realização do Imperator Centro Cultural João Nogueira, o projeto apresenta artistas e bandas promissoras do cenário independente carioca, com expressão na atual cena musical da cidade.

Nesse mês, as atrações são:

Plastic Fire (Plastic Fire HC)

O quarteto, atualmente formado por Reynaldo (voz), Daniel (guitarra), Felipe (bateria) e Marcelo (baixo), surgiu há cerca de 8 anos, no subúrbio carioca, no famoso bairro de Madureira.

Com pouco tempo de vida, o grupo já excursionou por diversos estados brasileiros e tem atraído cada vez mais fãs e a atenção da mídia, por conta de seus shows enérgicos, da perfeita comunicação público-banda e, claro, dos seus registros.

Já com seu álbum de estreia “Existência Parcial”, lançado em 2008, o grupo mostrou que teria muito o que contribuir para o hardcore melódico brasileiro, com suas letras bem escritas, reflexivas, honestas, e com músicas cativantes. Desde então, a banda vem acumulando elogios com trabalhos como o álbum “A Última Cidade Livre” (2010), o álbum Split “Chumbo”, junto das bandas Zander, Bullet Bane e Fire Driven (2012) e o mais recente disco ”CidadeVelozCidade” (2014), gravado no estúdio Superfuzz e produzido por Gabriel Zander (parceria que já havia sido feita no último trabalho da banda).

Entre as apresentações mais importantes do quarteto, estão a histórica performance no lendário palco do Circo Voador (na mesma noite em que o Dead Fish comemorava 20 anos de estrada) e a gravação do seu primeiro registro ao vivo, na veterana Audio Rebel, ambas em 2011.

Atualmente, pode-se dizer, sem dúvida, que o Plastic Fire vem se consolidando cada vez mais na cena underground do Brasil e que é uma das principais influências de muita molecada por aí.

DIABO VERDE

Quatro amigos de longa data, insatisfeitos com o rumo que as suas bandas tomaram, resolvem se juntar e formar uma nova banda. A história é clichê, mas, é isso. Ex-integrantes do Rabugentos, Paulinho Coruja (vocal e guitarra) e Fellipe Madureira (guitarra) se juntaram a Bruno Baiano (bateria, ex-Manacá) e Fábio Magoo (baixo) e montaram um novo projeto: a banda Diabo Verde.

Logo na primeira música do CD “Sincericídio” (sinceridade + suicídio), “Fechadão com o certo”, o quarteto mostra que os tempos são outros. Bebendo na fonte dos ícones do punk rock/hardcore dos anos 90 como Bad Religion e Pennywise e de bandas mais recentes, porém não menos importantes, como o Rise Against, o Diabo Verde inicia a sua história com um disco maduro, inspirado no cotidiano de um cidadão comum. Dúvidas, indignações, amores, fé, família, todos esses assuntos foram devidamente embalados com muita fúria e melodia nas oito faixas do álbum, que leva o selo de qualidade do respeitado estúdio Superfuzz. Produzido por Elton Bozza, “Sincericídio” ainda conta com a participação de Renato Rocha, guitarrista dos Detonautas, na faixa “O que realmente importa”.

Serviço:

IMPERATOR NOVO ROCK

DATA:  Quinta-feira (26/03)

LOCAL: IMPERATOR – CENTRO CULTURAL JOÃO NOGUEIRA

www.imperator.art.br

ENDEREÇO: Rua Dias da Cruz, 170 – Méier

HORÁRIO: 20h

INGRESSOS: R$ 10,00_(inteira) | R$ 5,00_(meia)
Meia-entrada válida também com 1kg de alimento.

CLASSIFICAÇÃO: 16 anos

PROMOÇÃO: Rádio Cidade 102,9

VENDAS:

Ingresso.com

Bilheteria Imperator  Centro Cultural João Nogueira 

Horário de funcionamento da bilheteria: terças e quartas, das 13h às 20h; quintas e sextas, das 13h às 21h30; sábados, das 10h às 21h30; e domingos, das 10h às 19h30.

Forma de pagamento: dinheiro e cartões – Dinners, Master (débito e crédito), Visa (débito e crédito)

Mais informações:

Atendimento Imperator: 2597-3897 (das 9h às 12h/13h às 18h)

www.facebook.com/rionovorock

www.facebook.com/imperator.centroculturaljoaonogueira

Deixar comentário(s)

comentários

Zeca

Procura no google

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *