Notícias 

Fãs que exaltaram Anitta e Molejo no Rock In Rio são hostilizados

 

Dois casos no mínimo curiosos aconteceram no último dia do festival Rock In Rio 2013, neste domingo (22), envolvendo pagode, funk, heavy metal e, talvez, falta de noção por uma parte e intolerância de outra.

 

A página do Terra divulgou que um homem de 27 anos, de nome ainda não identificado, foi detido para controlar um tumulto, pois ele segurava uma faixa com os dizeres “Molejo é melhor que Iron Maiden“.

 

Os fãs da banda britânica tentaram reprimir o cidadão e o agrediram. O homem estava sangrando quando apareceu na delegacia. Ele foi levado pelos próprios admiradores do Iron Maiden.

 

O rapaz disse que só queria homenagear o Molejo, que julga ser de mesma qualidade do Iron Maiden. Além disso, ele disse estar em um país livre, com direito de gostar de qualquer banda.

 

O segundo caso não envolveu sangue, mas teve procedência semelhante. Paulo Finatto, de 28 anos, foi ao mesmo dia do evento com uma camiseta com o escrito “prepara“, que prestava tributo à música “Show das Poderosas“, da cantora Anitta.

 

Em entrevista ao R7, Finatto disse que queria fazer uma brincadeira. “Mas os caras não me perdoaram, na fila me chamavam de poderosa e até cerveja me tacaram. Pensei até em virar a camisa, deixar a estampa para dentro. Mas conversei com a segurança”, afirma.

 

O rapaz revelou que gastou por volta de R$ 5 mil para ver os shows de quinta e domingo, que contavam, respectivamente, Metallica e Iron Maiden como atrações principais. “A camiseta foi uma brincadeira. O funk e o rock são irmãos”, explica.

 

 

 

 

Fonte: revista.cifras.com.br

Avatar

Written by 

Matérias Relacionadas