Jake Bugg arrisca, mas não larga o Folk e o Indie em novo disco

Muitos podem torcer o nariz e achar que se trata de mais uma figura comercial que aparece com seu violão e cara de preguiça, canta arrastado e que daqui a pouco se vai da mesma forma que veio. Mas garanto, que neste caso temos algo muito menos superficial.

A melhor (e maior) prova de que Jake Bugg não é somente mais um é a consistência deste segundo trabalho, ele consegue muito mais do que se sustentar, ele começa a ganhar vida própria.

Shangri-la foi lançado em 18 de Novembro de 2013, aproximadamente 1 ano após “Jake Bugg” seu álbum de estreia que estourou hits como “Broken” e “I see it all”.

O segundo trabalho mantem basicamente a linha Indie Folk do primeiro  disco, mas varia um pouco mais flertando com o Country e ate com o Blues, o acabamento sonoro é muito bom e o tempo das musicas  acabam sendo marcadas pelo som  acido da voz com a empolgação do violão.

O destaque do disco fica para “ What doesn´t kill you” “Slumville Sunrise” e  “Messed up kids”.

Jake é um grande talento. Apesar de muitos acharem seu estilo parecido com Bob Dylan e ate Johnny Cash, o próprio Jake diz que estes não são sua influencia. Enfim, influencias a parte, temos aqui um ótimo disco, meio dançante,meio melancólico que vale muito a pena ser curtido e ouvido.

TrackList:

1.There´s a Beast and We All Feed It
2.Slumville Sunrise
3.What Doesn´t Kill You
4.Me and You
5.Messed Up Kids
6.A Song About Love
7.All your Reasons
8.Kingpin
9.Kitchen Table
10.Pine Trees
11.Simples Measures
12.Storm Passes Away

Written by 

Matérias Relacionadas

Deixe um comentário