Notícias 

Membros do Rammstein se beijam no palco de Moscou desafiando leis russas anti-LGBTQ

Os guitarristas Paul Landers e Richard Kruspe se beijaram no palco durante o show da banda no Estádio Luzhniki de Moscou na segunda-feira. A ação, feita em desafio às leis anti-LGBT da Rússia, foi celebrada por Rammstein em um post no Instagram intitulado “Russia, We Love You!“. A lei de “propaganda gay” da Rússia foi aprovada em 2003 pelo presidente Vladimir Putin. Seu objetivo declarado é evitar que as crianças sejam expostas à homossexualidade, tornando ilegal apresentar qualquer ato homossexual como normal.

View this post on Instagram

Россия, мы любим тебя! Photos: @jenskochphoto

A post shared by Rammstein (@rammsteinofficial) on

Segundo a lei, estrangeiros podem ser presos e detidos por até 15 dias, ou multados em até 5.000 rublos, e então deportados.

Há uma semana no Estadio Śląski, Chorzów, na Polônia, o baterista Christoph Schneider foi transportado em meio à multidão em um bote de borracha enquanto agitava uma bandeira do Pride em apoio à comunidade LGBTQ da Polônia, que havia enfrentado ataques violentos durante o Mês do Orgulho.

Written by 

Matérias Relacionadas