P.O.D. tocando como se não houvesse amanhã

A banda norte-americana de new metal P.O.D. (Payable On Death) retorna ao Brasil para três shows. Com 22 anos de carreira, 8 álbuns de estúdio lançados, verdadeiros hits como “Alive” e “Youth Of The Nation” e participações em trilhas sonoras como no filme The Matrix Reloaded marcam o trajeto da banda.

E nesta sexta-feira (14/03) a banda se apresentou em São Paulo, no Carioca Club, no qual o grupo formado por Sonny Sandoval (vocalista), Marcos Curiel (guitarra), Traa Daniels (baixo) e Ernie Longoria (bateria) que substitui Wuv Bernado  tocaram músicas do seu último álbum “Murdered Love” de 2012, canções mais antigas e sucessos da banda.

Chegando ao local do show, logo percebi que a noite prometia casa cheia, já que a fila dava a volta no quarteirão, público não se intimidou com uma pequena garoa que caia no momento. Público este com idade bem variada, mais velhos e mais novos. As 18:30as portas foram abertas para galera, cada qual escolhendo seu lugar na pista para aguardar a apresentação.

Eram 19:20 e a galera já não se segurava de tanta ansiedade, geral gritando em uníssono “P.O.D, P.O.D, P.O.D”, e pontualmente as 19:30sem nenhuma banda de abertura as cortinas se abriram e a banda foi ovacionada por gritos e aplausos e muita positividade.

“Murdered Love” e “Lost In Forever” foram as faixas que abriram o show, e mostrou que a noite seria eletrizante, Marcos Curiel comandava a guitarra com sua simpatia, humildade e talento, jogando palhetas para a galera. “Boom” levou a galera a loucura, cantando cada trecho junto com Sandoval, que neste momento já estava na grade junto ao público.

“Set It Off”, “Eyez”, “Babylon” e “Roots In Stereo” foram onde banda e público interagiam juntos, bandeira do Brasil que foi jogado ao palco foi presa a um pedestal, e Sandoval já havia trocado de boné com um rapaz da platéia.

“Youth Of The Nation’ foi magnífico, galera se espremendo na grade para cantar cada silaba junto com a banda.

“Beautiful”, “On Fire”, “Southdown” e uma versão de “Bullet Blue Sky” do U2 também foram tocadas, microfone no pedestal, Sandoval com a bandeira enrolado ao corpo e um terço na mão esquerda, mantinha o público empolgado.

Ponto alto do show foi quando chegou a hora do hit ser tocado “Alive”, público foi ao delírio total, não tinha um que ficasse parado, que não cantasse cada sílaba com muita intensidade e entusiasmo, Sandoval desceu mais uma vez na pista, junto a grade para cantar junto do público eufórico.

Terminado de cantar, banda fez uma saída estratégica onde todos pensaram que ali se encerrava a apresentação, porém, banda retorna para tocar  “Strength Of My Life”, Higher” e “Satellite” e aí sim para se despedir do público. Onde jogaram mais palhetas, Ernie Longoria jogou algumas baquetas e bonés foram jogados e sorte de quem conseguiu pegar.

A iluminação foi um show a parte, luzes constratavam muito bem com cada canção tocada.

O Rock de Verdade agradece imensamente aos organizadores do show que permitiram ao site cobrir o show dessa banda espetacular e pela confiança depositada no nosso trabalho.

 

Fotos: Renan Facciolo do Redutodorock.com.br

Written by 

Procura no google

Matérias Relacionadas

Deixe um comentário